Sine Municipal oferece 49 vagas servente de limpeza exclusivas para pessoa com deficiência

No total, unidade da Prefeitura divulga 246 oportunidades de trabalho nesta terça-feira

As ofertas de emprego divulgadas pelo Sine Municipal para pessoas com deficiência (PCD) reúnem, hoje, dia 27, 90 oportunidades de atuação em dez áreas distintas. O maior quantitativo é para a função de servente de limpeza, que possui 49 vagas, seguida pelo cargo de atendente em central telemarketing, com 15; atendente de farmácia, com dez; auxiliar de estoque, com cinco; controlador de entrada e saída, com quatro; agente de passagens, enfermeiro, socorrista (exceto médicos e enfermeiros) e vendedor interno, cada uma com uma vaga.

Além dos ofícios oferecidos exclusivamente para PCD, o Sine Municipal também tem em seu cadastro de empregos outras 156 vagas, distribuídas em 55 funções. O alto número de vagas está concentrado nas áreas de consultor de vendas, que tem 17 ofertas; vendedor pracista, com 12; ascensorista, atendente de telemarketing, manicure, promotor de vendas e representante comercial autônomo, com dez postos de trabalho nestas últimas cinco atividades.

O atendimento no Sine Municipal ocorre entre 7h30 e 18h. Interessados em alguma das vagas devem preencher o documento de solicitação na própria unidade da Sedetec, que está localizada no térreo do Edifício Pathernon Center, Setor Central de Goiânia. Além disso, é necessário apresentar as carteiras de Identidade e Trabalho, CPF e comprovante de endereço atualizado.

Após avaliação do perfil profissional do candidato, a equipe do Sine Municipal faz o encaixe com as exigências definidas para ocupação das vagas de emprego. Satisfazendo as duas partes, a unidade da Prefeitura de Goiânia faz o encaminhamento da pessoa à empresa que cadastrou a oferta.

Outra opção para aqueles que não têm a disponibilidade de comparecer na sede do Sine é o aplicativo Sine Fácil. Por meio da ferramenta gratuita e que pode ser baixada no Google Play, é possível agendar entrevistas de emprego para as vagas disponíveis, caso o cadastro e currículo estejam devidamente atualizados. Com o sistema, é possível acompanhar ainda a situação do benefício do seguro-desemprego e atualizar o cadastro junto ao Ministério do Trabalho (Mtb), ato que deve ser feito regularmente, segundo a instituição.

Oportunidades do dia

Ajudante de eletricista 1
Aplicador de asfalto impermeabilizante (coberturas) 2
Aplicador serigráfico em vidros 1
Arqueador de molas 1
Arrumador no serviço doméstico 1
Arte-finalista 2
Ascensorista 10
Atendente de telemarketing 10
Auxiliar de cobrança 1
Auxiliar financeiro 1
Auxiliar mecânico de ar condicionado 1
Açougueiro 2
Barman 2
Borracheiro 1
Caldeireiro montador 1
Caseiro 1
Chefe de serviço de limpeza 1
Colorista 1
Consultor de vendas 17
Costureira de máquina reta 1
Costureiro de colchões 4
Cozinheiro de restaurante 1
Cozinheiro geral 2
Desossador 3
Encarregado de expedição 1
Engenheiro de produção 1
Forneiro de padaria 1
Impressor serigráfico 1
Instalador de alarme 1
Manicure 10
Marceneiro 5
Mecânico 2
Mecânico de instalação de freios 1
Mecânico de manutenção de ar condicionado 1
Mecânico de manutenção de máquinas de construção civil 1
Nutricionista 1
Operador de instalação de ar-condicionado 1
Operador de máquinas fixas, em geral 1
Pintor de automóveis 6
Preparador de tintas 1
Promotor de vendas 10
Pós-produtor de tv e vídeo 1
Representante comercial autônomo 10
Serrador de parte dianteira 2
Serralheiro 4
Técnico de manutenção eletrônica 1
Técnico de manutenção elétrica de máquina 1
Técnico de refrigeração (instalação) 2
Técnico eletrônico 1
Técnico em eletromecânica 1
Técnico em radiologia 1
Técnico em segurança do trabalho 5
Vendedor interno 1
Vendedor pracista 12
Zelador 1

Vagas exclusivas para pessoa com deficiência

Agente de passagens 1
Atendente central telemarketing 15
Atendente de farmácia (balconista) 10
Auxiliar de estoque 5
Auxiliar de pessoal 3
Controlador de entrada e saída 4
Enfermeiro 1
Servente de limpeza 49
Socorrista (exceto médicos e enfermeiros) 1
Vendedor interno 1

Temer sanciona lei que regulamenta aplicativos de transporte público

Além do Uber, a lei regulamenta os aplicativos de transporte Cabify e 99 POP

O presidente Michel Temer sancionou hoje (26), sem vetos, a lei que regulamenta os serviços de transporte com aplicativos como Uber, Cabify e 99 POP. A previsão é de publicação no Diário Oficial de amanhã (27). O texto passou pela última votação na Câmara no dia 1º de março e seguiu para sanção presidencial.

Com a lei, não é necessária autorização prévia emitida pelo Poder Público municipal para o motorista de aplicativo nos municípios em que houver regulamentação.

Entre as regras de fiscalização previstas na lei estão a exigência de contratação de seguro de Acidentes Pessoais a Passageiros (APP) e do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres (DPVAT), além da necessidade de inscrição do motorista como contribuinte individual do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Além disso, o motorista deve ser portador de Carteira Nacional de Habilitação na categoria B ou superior, que tenha a informação de que ele exerce atividade remunerada. Aquele que descumprir as regras terá seu trabalho caracterizado como transporte ilegal de passageiros.

Número de turistas estrangeiros no país bate recorde em 2017 e chega 6,5 milhões

São Paulo – O Aeroporto Internacional de São Paulo foi apontado como o melhor aeroporto do Brasil na categoria acima de 15 milhões de passageiros por ano, de acordo com Relatório de Desempenho Operacional dos Aeroportos (Rovena Rosa/Agência Brasil)

No total, 6.588.770 turistas desembarcaram no Brasil, 42 mil a mais que em 2016

Após cruzamento de dados da Polícia Federal, o Ministério do Turismo anunciou, nesta segunda-feira (26), que o Brasil registrou, ao longo de 2017, o maior número de entradas de estrangeiros no país em toda a sua história. No total, 6.588.770 turistas desembarcaram em território nacional.

São 42 mil visitantes a mais do que no ano anterior (2016), quando o país já havia batido recorde, por ocasião dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. O número também supera o alto volume de entradas registado em 2014 (6.429.852 turistas), ano em que o Brasil sediou a Copa do Mundo de futebol da Fifa.

Com quase 400 mil turistas a mais (alta de 11,1% em relação ao ano anterior), foram países vizinhos da América do Sul que incrementaram o aumento de turistas estrangeiros em 2017. Eles representaram 62,4% do número total de entradas de estrangeiros no país, algo em torno de 4,1 milhões de pessoas.

Na lista de principais emissores de turistas internacionais, a Argentina continua em primeiro lugar, com 2.622.327 visitantes, 14,3% a mais que em 2016. O país vizinho responde por quase 40% de todos os turistas internacionais que o Brasil recebe.

Em segundo ficam os Estados Unidos, com 475,2 mil viajantes – queda de 7% em relação ao ano anterior. Apesar da queda, o governo federal já registrou aumento de 87% na emissão de vistos para turistas dos EUA no começo de 2018, com a entrada em vigor do sistema de visto eletrônico, que reduz de até 90 dias para três dias a autorização de viagem ao Brasil.

Na terceira posição entre os maiores visitantes estrangeiros, aparece o Chile, com 342,1 mil entradas no ano passado, 5,2% a mais que 2016.

Portas de entrada

São Paulo é a principal porta de entrada de estrangeiros no país, por onde chegam 32,5% (2.144.606) de todos os turistas internacionais que visitam o Brasil. O Rio de Janeiro fica em segundo lugar, com 1.355.616, o equivalente a 20,5%. Em terceiro lugar, aparece o Rio Grande do Sul, porta de entrada para milhares de argentinos, com 1,27 milhão de turistas.

De acordo com o Ministério do Turismo, apesar de ter registrado queda de 4,2%, o avião continua sendo o principal meio de transporte para o turista internacional. De todos os visitantes estrangeiros que chegaram ao Brasil em 2017, 63,5% (4,183 milhões) usaram a malha aérea. Pelas rodovias, entraram 2,25 milhões de visitantes (34,15%). Outros 52,5 mil (0,8%) usaram navios (via marítima) e 97,1 mil turistas (1,4%) entraram no país pela via fluvial.

Para o ministro do Turismo, Max Beltrão, o Brasil precisa adotar estratégias audaciosas para aumentar o número de turistas internacionais. “Temos defendido o reforço na promoção internacional, a modernização da Embratur e a abertura do país para o mercado global como forma de impulsionar o turismo internacional no nosso país”, comentou, em nota à imprensa.

Com informações da Agência Brasil

Prazo para pagar IPVA de veículo placa final 1 termina nesta terça

Aqueles que não receberam os boletos pelos Correios podem procurar uma unidade do Vapt Vupt para obter o Documento de Arrecadação Estadual (DARE) ou acessá-lo pela internet, nos sites da Sefaz (em IPVA) ou Detran

Os proprietários de veículo com placa final 1 devem ficar atentos ao prazo para pagamento da terceira parcela ou quota única do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). O prazo termina nesta terça-feira, dia 27, alerta a Gerência de IPVA da Secretaria de Estado da Fazenda.

Confira abaixo o calendário completo.

O gerente Nivaldo Damasceno explica que, aqueles que não receberam os boletos pelos Correios podem procurar uma unidade do Vapt Vupt para obter o Documento de Arrecadação Estadual (DARE) ou acessá-lo pela internet, nos sites da Sefaz (em IPVA) ou Detran ou clique aqui.

Já o IPVA do veículo com placa final 2 pode ser pago até o dia 11 de abril, quarta-feira, tanto a terceira parcela – nos casos em que o motorista optou pelo parcelamento – quanto a cota única. E no dia 10 de abril, terça-feira, vence a segunda parcela do veículo de placa final 3. Para eles, a terceira parcela ou quota única pode ser paga até o dia 10 de maio, quinta-feira.

Descontos

No valor do boleto, já estão deduzidos o desconto de 50% para carros 1.0 e motos até 125 cilindradas além do desconto de 5% a 10% concedido pela Sefaz àqueles que pediram o CPF na nota no ano passado por meio do Programa Nota Fiscal Goiana.

O abatimento de metade do valor do IPVA é concedido pelo Governo de Goiás desde 2012 como forma de incentivar o bom condutor. É atribuído aos proprietários de carros 1.0 e motocicletas de até 125 cilindradas que não tenham tido multas e não tenham se envolvido em acidente de trânsito por negligência, imperícia, imprudência ou dolo nos últimos 12 meses. “O proprietário deve ficar atento à data de vencimento porque o pagamento em atraso acarretará a perda automática desses dois descontos”, alerta o auditor fiscal.