Paulo César Baruk lança versão do clássico: Não Tenhas Sobre Ti, em parceria com Laura Souguellis.

Paulo César Baruk lança dueto com Laura Souguellis

A regravação de “Não Tenhas Sobre Ti” integra o álbum Piano e Voz, Amigos e Pertences 2

Sucesso lançado em 1986 pela banda Milad, “Não Tenhas Sobre Ti” agora conta com uma emocionante versão de Paulo César Baruk em parceria com Laura Souguellis. O vídeo já está disponível no canal da Musile Records no YouTube e integra o mais recente álbum do cantor, intitulado “Piano e Voz, Amigos e Pertences 2”.

Marcado por um inspirador arranjo de piano e cordas, o single traz um convite ao descanso e confiança no cuidado de Deus. Nesse contexto, tanto os vocais de Baruk quanto os de Laura são sensíveis e surpreendem pelo equilíbrio com a harmonia da canção.

“Conheci a Laura pessoalmente num evento e fui muito impactado por sua gentileza e simplicidade. Ouvi rapidamente sua passagem de som e fiquei impressionado com o talento e especialmente a singularidade de seu timbre”, recorda Baruk.

“Depois, nos encontramos em alguns eventos e em aeroportos, mas acanhado em estender o convite, acabei pedindo para um amigo em comum perguntar se ela toparia a participação. A resposta não poderia nos deixar mais felizes e gratos”.

Adicionado como um bônus track, “Não Tenhas Sobre Ti” não é o único dueto do álbum: “PVAP2” também conta com a participação de Paulo Cezar, do Grupo Logos, que cantou os clássicos “Ao Sentir” e “Situações”.

Gravado ao vivo no principal auditório da Universidade Mackenzie, em São Paulo, o projeto apresenta ao todo 16 faixas e foi produzido numa parceria entre Baruk e o tecladista Leandro Rodrigues. Vale ainda ressaltar que esse é o primeiro trabalho do cantor com a gravadora Musile Records, responsável por lançamentos de artistas como Heloisa Rosa, Vanilda Bordieri e Vineyard.

O álbum e o DVD já estão disponíveis nas principais lojas e também nas plataformas de streaming e download. Para acompanhar o lançamento de mais vídeos de Paulo César Baruk, inscreva-se no canal Musile Records e ative as notificações.

Assista ao single “Não Tenhas Sobre Ti” no YouTube: https://youtu.be/v0vbOLiKGTI

Fonte: Assessoria de Imprensa.

Caixa Econômica começa a pagar hoje abono do PIS/Pasep

Tem direito ao abono salarial quem recebeu, em média, até dois salários mínimos mensais com carteira assinada e exerceu atividade remunerada durante, pelo menos, 30 dias em 2016

A Caixa Econômica Federal inicia hoje (27) o pagamento do Abono Salarial calendário 2017/2018, ano-base 2016. Os pagamentos serão efetuados conforme o mês de nascimento do trabalhador, começando com os nascidos em julho. Os beneficiários deste mês, titulares de conta individual na Caixa com saldo acima de R$ 1,00 e movimentação, terão crédito automático no dia 25 de julho.

Os valores do benefício variam de R$ 79 a R$ 937, de acordo com o tempo de trabalho durante o ano de 2016. Os recursos ficarão disponíveis ao trabalhador até 29 de junho de 2018.

Tem direito ao benefício quem está inscrito no Programa de Integração Social (PIS) ou no Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) há pelo menos cinco anos, que trabalhou formalmente por pelo menos 30 dias em 2016, com remuneração mensal média de até dois salários mínimos.

Os trabalhadores que não sacaram até dia 30 de junho o Abono Salarial calendário 2016/2017, ano-base 2015, também terão nova oportunidade para receber o benefício. Para eles, o valor estará disponível para saque de 27 de julho a 28 de dezembro de 2017.

O trabalhador interessado em saber se tem direito ao abono salarial ano base 2015 pode acessar: http://verificasd.mtb.gov.br/abono/. Informações também podem ser obtidas pelo telefone 158 da Central de Atendimento Alô Trabalho do Ministério do Trabalho.

Região Leste recebe ações de infraestrutura durante o Mutirão da Prefeitura

Entre os serviços executados estão a reforma de unidades educacionais, de saúde e assistência social, além da construção de três pistas de caminhada

Desde o início da semana, equipes da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra) atuam nos bairros da região Leste da Capital executando ações de infraestrutura. Os serviços integram o Mutirão da Prefeitura, que será realizado neste fim de semana, dias 29 e 30. Entre os serviços executados pela pasta estão a reforma de unidades educacionais, de saúde e assistência social, além da construção de três pistas de caminhada.

Os estandes do Mutirão serão concentrados na Praça da Juventude, localizado na Avenida Anápolis, no Jardim das Aroeiras. O local está recebendo diversos serviços, como pintura, manutenção e reformas em sua sede administrativa, quadras e demais instalações. Além das ações realizadas na Praça da Juventude, a Prefeitura de Goiânia iniciou a construção de três novas praças na região. A Seinfra trabalha na execução de pistas de caminhada em cada uma delas, localizadas no Residencial Iris Ville, Setor Recanto das Minas Gerais e Residencial Mar Del Plata.

De acordo com o titular da Seinfra, Fernando Cozzetti, as equipes da Seinfra percorrem toda a região Leste executando outros serviços. ‘Nossos colaboradores estão realizando ainda a manutenção da iluminação pública, serviços de limpeza e conservação de bocas de lobo, readequações de rotatórias e a Operação Tapa-Buracos’, disse.

Ações de pintura, manutenção e reforma também estão sendo realizadas no Cais Amendoeiras, no Núcleo de Assistência Social (NAS) do Jardim das Aroeiras e em 14 unidades educacionais, por meio do Programa Escola Viva, uma parceria com a Secretaria Municipal de Educação e Esporte (SME).

O Mutirão

O Mutirão da região Leste é quarta edição da frente de serviços da atual gestão. Nas três edições anteriores, a administração municipal realizou mais de 140 mil atendimentos à população das regiões abrangidas.

Além dos serviços da Seinfra, assim como nas outras edições, a Prefeitura de Goiânia levará uma série de ações para a população, como atendimentos de saúde, educação, direitos humanos, orientações jurídicas, emissão de documentos e inúmeras atividades culturais.

Ex-presidente do BB e da Petrobras pediu R$ 20 milhões em propina, diz Lava Jato

O ex-presidente da Petrobras Aldemir Bendine teria recebido ao menos R$ 3 milhões de propina em espécie da Odebrecht para não prejudicar a empresa em futuras contratações, segundo informações das equipes da Polícia Federal (PF) e do Ministério Público Federal (MPF) que atuam na Lava Jato.

Bendine foi preso temporariamente hoje (27) em São Paulo, na 42ª fase da Lava Jato, denominada Operação Cobra. Foram cumpridos outros dois mandados de prisão temporária em Pernambuco.

Segundo as investigações, antes de receber os R$ 3 milhões, em 2015, Bendine pediu outros R$ 17 milhões de propina à Odebrecht quando ainda era presidente do Banco do Brasil. Em troca, ele atuaria para rolar uma dívida da Odebrecht Agroindustrial.

Histórico

Bendine presidiu o Banco do Brasil entre abril de 2009 e fevereiro de 2015, quando substituiu Graça Foster na presidência da Petrobras.

A investigação contra Bendine teve como base as delações premiadas de Marcelo Odebrecht, ex- presidente-executivo do grupo Odebrecht, e de Fernando Reis, executivo da companhia.

Por entender que Bendine não tinha poder para influenciar na rolagem do empréstimo, a empresa decidiu não pagar os R$ 17 milhões, mas acabou aceitando repassar, posteriormente, R$ 3 milhões para garantir seus interesses na Petrobras, disseram os procuradores.

Os indícios mostram que os pagamentos foram feitos em três repasses de R$ 1 milhão, todos em 2015, feitos por meio de contratos fictícios de consultoria junto a uma empresa laranja, informou o MPF.

Na nota do MPF, o procurador da República Athayde Ribeiro Costa destacou a audácia dos envolvidos. “É incrível topar com evidências de que, após a Lava Jato já estar em estágio avançado, os criminosos tiveram a audácia de prosseguir despojando a Petrobras e a sociedade brasileira”, disse.

Com informações da Agência Brasil

Prefeitura assina segunda ordem de serviço para instalação de fotossensores

A Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMT), emitiu hoje, 25, a segunda ordem de serviço para instalação de equipamentos de fiscalização eletrônica para 200 faixas na Capital. Depois de atender os corredores 85, T-63, Universitário, a Marginal Botafogo e a avenida Santa Maria, agora serão instalados fotossensores em diversos bairros, conforme lista abaixo.

A previsão da SMT é de que os primeiros equipamentos entrem em funcionamento até o dia quinze de agosto, na avenida 85. Segundo o titular da pasta, Fernando Santana, ‘a partir daí estaremos, paulatinamente, liberando a fiscalização eletrônica conforme as ligações de energia elétrica sejam concluídas’.

A finalização de instalação de todas as 643 faixas contratadas pela prefeitura está prevista para ocorrer até o início do mês de outubro. ‘A determinação do refeito Iris é para agilizarmos o serviço para, assim, garantirmos ao cidadão goianiense mais segurança em nossas ruas e avenidas’, afirmou Santana.